-->
Contato    Equipe    O site   

ENTREVISTA: Melissa VanFleet (EUA)



A entrevista dessa semana é com a cantora, compositora e multi-instrumentista estadunidense Melissa VanFleet. 

EC: Primeiramente gostaria de agradecer  por realizar a entrevista para o Elegia e  Canto.  O seu contato com a música começou muito cedo, aos 12 anos lançou sua primeira demo. Como você vê seu crescimento não só como cantora mas também como compositora  após todos esses anos de música? 
MV: Quando jovem, escrevi poesia e letras como uma forma de terapia para ajudar a lidar com as complicações de ter um pai com uma doença crônica. À medida que cresci, comecei a tocar instrumentos e finalmente consegui colocar melodias nas letras que escrevi. Desde então, compus centenas de músicas em todos os gêneros imagináveis e percebi o que funcionou e não funcionou para mim. Então, alguns anos atrás, encontrei minha voz como compositora e é muito mais fácil escrever músicas agora que eu sei exatamente quem eu sou como artista e o que eu quero transmitir com minha música.

EC: Além de ser uma multi-instrumentista autodidata, você  também é compositora. O que
te inspira nas composições?  Como é o processo de composição de suas músicas?
MV: naturalmente gravida em temas e tópicos escuros. O assunto sombrio se correlaciona com as melodias que encontro e, consequentemente, a letra e a música se sentem coesas. Costumo começar com uma ideia de melodia e cantar palavras que não fazem sentido. Então, no piano, descobri as progressões de acordes que ouvi em minha mente e as palavras absurdas eventualmente se tornam letras.

EC:  Em 2012 você  gravou versão acústica no piano da música  "Sleeping (In the fire)" , da banda Americana  W.A.S.P, inicialmente como presente para o seu pai e depois a lançou no Youtube onde também postou "Too Late" de Black Sabbath. Ambas fizeram muito sucesso.  Você esperava  essa receptividade do público, como você se sentiu diante disso?
MV: Eu absolutamente não esperava as reações favoráveis de qualquer vídeo! 
Quando eu postei o W.A.S.P. cover, ainda estava encontrando meu estilo e quem eu era como artista. A música do Black Sabbath me ajudou a perceber que a resposta do outro vídeo não era apenas uma ocorrência única e comecei a concentrar minha atenção em mais covers de metal. Eu lancei um álbum chamado Metal Lullabies em 2015 com versões de piano de algumas de minhas canções de metal favoritas e músicas acústicas originais também.

EC: Quais são as bandas que servem (ou serviram) de inspiração musical para você?
MV: Crescer cercado por música do final dos anos 80 e 90 foi tão inspirador. Desde muito jovem liguei-me à música e aos vocalistas favoritos de meu pai, Ronnie James Dio e W.A.S.P. e, por outro lado, minha mãe adorava Seal, Elton John e Lionel Richie. Quando comecei a me afiliar e a ouvir música, gostei de ser influenciada por artistas femininas fortes com vocais únicos, incluindo Alanis Morissette, Fiona Apple e Tracy Chapman.

EC: Em 2015 você se apresentou Full Metal Cruise II, apresentado pelo produtor do festival alemão Wacken Open air, ao lado do Blaze Bailey, Doro, Hammerfall entre outros. Como a experiência de se apresentar ao lado desses grandes nomes do metal?
MV: Foi muito divertido. A energia da multidão era inacreditável. Ter conversas com as outras bandas e artistas, bem como os fãs a bordo do navio foi uma experiência que nunca esquecerei.

EC: Você fez sua primeira turnê em 2015 pela Europa. Há planos para uma nova turnê?  Podemos esperar alguma apresentação no Brasil ?
MV: Estive na fase de gravação e gravando por algum tempo, mas definitivamente estou ansiosa por fazer turnês. Estou constantemente a formular ideias em minha mente para o show ao vivo. Eu adoraria atuar no Brasil!


EC: Você está lançando um EP produzido por Marco Coti Zelati, da Lacuna Coil. Poderia nos contar algo sobre o novo trabalho?
MV: Trabalhar com Marco e toda a equipe por trás do último lançamento de Lacuna Coil, oDelirium em Milão, foi exaustivo, mas muito gratificante. Estive ouvindo Lacuna Coil desde que a banda se formou e quando ouvi a produção de Marco no Delirium, não consegui acreditar em como ele capturou o que eu estava ouvindo na minha mente com as novas músicas que eu estava escrevendo. Eu soltei meu single de estréia "Raven" em outubro de 2017 e apresenta Douglas Blair da W.A.S.P. na guitarra principal. Trabalhamos em várias músicas durante o meu tempo na Itália e não posso esperar para compartilhá-las.

EC: Gostaria de agradecer a entrevista para Elegia e Canto. Você pode deixar uma mensagem para nossos leitores?
MV: Claro! Obrigado por tomar o tempo para ler esta entrevista e espero que você seja movido pela minha música se você optar por ouvi-la. "Raven" está disponível para ouvir/baixar AQUI.
Estou ansioso para ver você em breve no Brasil!

Paginas Oficiais:



0 Comentario "ENTREVISTA: Melissa VanFleet (EUA)"

Postar um comentário

O texto representa a opinião do autor e não a opinião do elegiaecanto.com ou de seus editores

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

PARCEIROS


       

Seguidores

EC NO FACEBOOK