-->
Contato    Equipe    O site   

Lacrimosa - Letras Traduzidas

SHAKAL (Tradução)


Um jovem anjo aparece em frente do templo
A saliva dela gruda sob suas asas
Sangue fresco pinga de suas sombrancelhas
Ele abre suas mãos e pede mais
Eu fecho meus olhos e lambo sua torrente de lágrimas
Corpos preguiçosos jazem nos degraus
Vítmias do amor chamuscados pelo sol

Secos estão também meus beijos
Que um dia eu dei com amor
Esparramados num rochedo
Esmagado entre os reochedos e espalhado
Sob os fragmentos ardentes do meu centro
Eu espalho minhas lágrimas no fogo incandescente
As flores dela murcham em minhas mãos
Sua saliva coagula em minha boca

Eu arranco meu corpo da inundação
O anjo atira as asas dela no fogo incandescente
Eu expurgo meus pecados
Ela abre a sua faringe
Eu lambo seus ferimentos com minha boca
Eu beijei seu coração
Amei sua carne no portal
A lingua dela petrificou-se aos pés do monumento
E as suas cinzas se espalham sob os anjos
Eu só quero viver
Eu caí com esses joelhos
Eu a chamo com essa boca
Eu estendo suplicantemente minhas mãos para você
Eu rezo na escuridão da noite
Chorando, eu imploro com todas as minhas forças
Deixe-a em paz
Deixe-a
dormir
Deixe-me rezar
Por favor, eu te peço
Eu só quero viver
Eu quero viver




DER MORGEM DANACH (Tradução)

Tantas pessoas a vêm
Mas ninguem a vê como eu
Porque na sombra de sua luz
Longe eu me sento e espero

Eu preciso de você - Eu preciso da sua luz
Porque das sombras eu não consigo escapar
Você não me vê - Você não me conhece
Mas mesmo assim eu a amo à distância
Eu a estimo - eu a idolatro
Eu a espero - a desejo
Eu a sinto - eu a conheço
Eu a acompanho - a exalto
Não posso continuar sem você

Essa é a manhã seguinte
e minha alma alqueivada* jaz esperando
Essa é a manhã seguinte
Um novo dia está começando
E o meu tempo está se escoando

Tudo isso eu escrevo para você
E ainda muito mais eu diria
Se eu pudesse transformar em palavras
Todo
o sofrimento do meu amor
Não a mensagem para lamentar
Essas poucas linhas eu mando para você
Mas apenas para dizer - Eu te amo

Essa noite essas palavras chegarão para você
Eu rezo para que você as leia todas
Eu esperarei por você à primeira luz do dia
Esperarei para ver sua luz radiante
Eu sonho que você me verá em breve
Que
você se ajoelhará na escuridão
E me levantará para você na luz

Essa é a manhã seguinte
e minha alma alqueivada* jaz esperando
Essa é a manhã seguinte
Um novo dia está começando
E meu tempo está se escoando.



COPYCAT (Tradução)

Cópia Barata

Chegue um pouco mais perto
E ouça o que eu tenho a dizer
Flamejantes palavras de raiva
de ódio e desespero

E se o silêncio for quebrado?
E se eu perdoar o passado?

Eu sei, isso pode parecer engraçado
Dizer-lhe o que eu sentí
Quero dizer, eu realmente te amei
É vergonhoso - minha culpa - eu sei
Mas por que - mas por que
Por que você é tão estúpida

Foda-se e suas mentiras maldosas
Eu odeio sua atitude vulgar
Por que você teve que ir tão baixo?
Prostituta - Cópia barata

E se o silêncio for quebrado?
E se eu perdoar o passado?

Sugando como um vampiro
O sangue de todos seus amigos
Mas me desculpe, meu sangue estava envenenado
Agora queime no inferno

Você matou o amor
Você matou a confiança

E se o silêncio for quebrado?
E se eu perdoar o passado?




SEELE IN NOT (Tradução)


Agora segure a tocha
no meu rosto
Um pássaro sobrevoa a água
mas não me vê
Meu navio já naufragou há tempos
e eu estou afogando
Eu ouço tantos gritos de socorro
mas não há navios à vista

Só horas perdidas
Só dias perdidos
Perdidos quando morremos
Perdidos para que?
Mas eu vivo
Eu ainda vivo
Eu vivo
Como uma mentira

E o amor
uma ilusão
Você dança na luz do tempo
Você dança em vaidade
Uma garrafa vazia
e eu morro de sede
Nenhuma vela tem fogo ainda
Mas meu coração se queima
Eu escuto o choro de bebês
Mentira na primeira respiração
Cinzas a cinzas - pó ao pó
Os pecados sejam perdoados
Cego de raiva - cego de dor
Surdo de amor - Mudo de medo
Não consigo mais me segurar
Perco a razão

Não conheço sua voz -
Não posso te entender
Nem sei como você é -
Nunca te vi
Não posso falar contigo -
Nem esta frase:
Eu te amo!

Eu amaldiçoo a lembrança
E a envio para longe
Ela se deita em minha sepultura
E esquenta para mim meu caixão
Quadros pintados só adulam
Pois quem pinta o que é tão feio?



WARUM SO TIEF (Tradução)


Por que tão profundo?

Mudo mais uma vez - completamente desamparado - e humilhado
Assim eu me coloquei diante dela hoje...

E assim eu me coloco uma vez mais diante de vocês
Mãe medo e pai dor
Uma criança não adotada - seu sangue corre por minhas veias
Seu sangue é meu sangue tambem
Apenas uma vez sem medo ou dor - eu acreditei que pudesse escapar

Fugir de vocês e de mim
Mas quanto mais ela me persuadia
Mais eu via vocês em mim

Por que tão profundo - e por que em todo esse tempo agora?
Por que diante dela - por que essa ironia?
Por que tão difícil - e por que não facilmente superável?
Preciso realmente pagar para sempre por todos os encontros
Para sempre com todo meu amor?

Uma vez sem a sensação de estar perdido para sempre
Só uma vez com ela - nenhuma loucura aprisionada
Mas mesmo uma única vez eu não consigo negar meu amor por vocês
Mãe medo e pai dor

Por que tão profundo - e por que em todo esse tempo agora?
Por que diante dela - por que essa ironia?
Por que tão difícil - por que não facilmente superável?
Por que eu não consigo apenas negar o sangue de vocês e fazer meu ataque na vida?
Por que tão profundo - e por que em todo esse tempo agora? - diga-me mãe medo
Por que diante dela - e por que essa ironia? - diga-me pai dor?
Por que tão difícil - e por que não conquistado de uma vez para sempre?
Preciso realmente pagar para sempre por todos os encontros
Para sempre com todo o meu amor?

Por que tão profundo?
Por que horrivelmente perdido?
Por que diante dela?
Por que diante dela tudo novamente?



THE PARTY IS OVER (Tradução)

Eu a perdi pela manha
Quando a neve caiu em nosso mundo
Eu a perdi no frio
Em meio a penumbra de nossas ilusoes
Eu encontrei um império de amor e dor
Com esse beijo - esse beijo de adeus
Pois eu nunca
Esquecerei seu rosto
Atrás da janela
Desse trem de partida

Eu pedi para a lua
Lhe trazer de volta aos meus bracos
Eu chamei o vento para guiar seus caminhos
Eu implorei a terra para segura-la firmemente
Lhe proteger do mal
Eu lhe envio beijos em meus sonhos
Visto eu sei
Que tivemos nosso tempo
Eu fecho a porta
A festa acabou

Impondo nosso amor
Por todos os anos que termos que enfrentar
Agora eu estou por minha conta
Passando por esses camposde
Lembrancas
Todas as visoes do meu templo de sonhos
Eu sacrifico tudo em mim
Pois eu nunca
Esquecerei seu rosto
Atrás da janela
Desse trem se partida

Eu pedi para a lua
Lhe trazer de volta aos meus bracos
Eu chamei o vento para guiar seus caminhos
Eu implorei a terra para segurá-la firmemente
Lhe proteger do mal
Eu lhe envio beijos em meus sonhos
Visto que eu sei
Que tivemos nosso tempo
Eu fecho a porta
A festa acabou


0 Comentario "Lacrimosa - Letras Traduzidas"

Postar um comentário

O texto representa a opinião do autor e não a opinião do elegiaecanto.com ou de seus editores

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Próximos Eventos

             

EC NO FACEBOOK

PARCEIROS

     

TRANSLATOR

Seguidores